Poema: Eu e a Tentação - Gonçalves Reis

Ilustração de Alexander Jansson

A Tentação chegou; disse-me: "Venha!
Pois te ofereço tudo que quiser
Dinheiro, fama, graça e a mulher
Que te acaricia e te mantenha..."

Eu disse então a ela: "Se qualquer
Das coisas deste mundo pra qu'eu tenha
Tu vens me oferecer e se empenha
O meu pedido agora vou fazer:

Dá-me alegria plena! Dá-me amigos
Sinceros que enfrentem os perigos
Dá-me um amor profundo desde então!..."

Ela olhou baixando a cabeça
Dizendo-me assim: "Que droga! Esqueça"
Só posso uma hemera. Isso já não!..."

01/08/07


0 recadinhos