Poema: No Precipício - Gonçalves Reis


Ele chegou e disse-me assim:
“A vida para ti é só desgraça!
Acabe com a dor que te transpassa,
Será que Deus te ama? Diga a mim...

Se ama, dará ordem para, enfim,
Os anjos te livrarem da chalaça,
Quem sabe esse cálice não passa,
Essa amargura vai-se embora sim?”

Então eu perguntei-lhe assim, "Quem és?"
"Um mensageiro só do gran Viés...
Que afronta sempre aquele Pergureiro...

Meu Deus dá-me de tudo; o Seu, conceito;
Se atira pr'Ele mostrar Seu efeito..."
"Ah claro", respondi, "você primeiro"
14-12/12/08

0 recadinhos